//ads-begin //ads-eng Meninniinho™: Dia 15. Apenas mais uma data indiretamente estranha...

sábado, agosto 15, 2009

Dia 15. Apenas mais uma data indiretamente estranha...

Dia 15...
Dia 16...
Dia 28...

Há outras datas também, porém a 1ª é a que mais me enche de interrogações.

Hoje!
Apenas Hoje!
Eu gostaria de não ver o dia passar ou então passá-lo acompanhado de alguém.
Um amigo, um anjo, um 'astro', um 'satélite natural'
...

Esse negócio de fazer companhia pra minha saudade já está me incomodando.
Hoje...
Apenas Hoje...
Obs.: Quase faço uma besteira, ou melhor, quase digo algumas besteiras...
E diria para um alguém diretamente ligado à isso tudo.
Mas como sempre... Meio caminho andado.
E esse foi o último.
Agora vou completar minha jornada.

Senhor meu Deus!
Pai, peço que ouça meu coração e me diga por onde começar.
Me diga Pai, o que fazer primeiro ou apenas me diga pra fazer.
Mas não me deixe acumular mais perguntas e anseios Senhor.

Pai...
Obrigado pelo Dia de hoje e por tudo que me deu hoje pai.
Obrigado pela saude e bem estar de meus consanguineos e amigos.
Obrigado Senhor por ter me dado o direito de viver e escolher entre viver e morrer.
Pai... Obrigado por tudo.

Guia-me com sua destra fiel e consola esse meu coração que anseia pulsando incessantemente por outro.
Cessa Pai esses anseios se não for de acontecer; mas encha-o com todo o amor possível Senhor e se for da tua vontade que eu continue com ele queimando no peito.
Pai, até hoje me alimentaste o coração com todo seu amor e eu simplesmente amei.
Continuarei aqui Senhor, amando...
Obrigado Senhor mais uma vez por tudo.

Estou cansado e abatido, mas sei que está comigo e eu não vou me dar por vencido...
Em nome de Jesus Cristo e para Glória de Jesus.

Amém!


I.C.A.
Reinvente-se, mas nunca esqueça de amar.
O amor ainda é a salvação, mesmo que sua salvação não seja como espera...
Ou não pareça estar acontecendo.
O tempo de Deus é totalmente diferente do nosso.
Ame... E Reinvente-se.
É mais que preciso!
I.C.A. - Ian Calmon Alexandre

SEM PREVISÃO DE VOLTA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário